Licenciatura em Cardiopneumologia sensibiliza para o Dia Mundial da Hipertensão Arterial

 

Hipertensão, a prevenção é a melhor opção

 

Em 2021, o tema escolhido pela “World Hypertension League” para assinalar o Dia Mundial da Hipertensão Arterial foi o processo de medição da pressão arterial com precisão: "Meça sua pressão arterial, controle-a e viva mais!". Para tal, foi disponibilizado um documento em português sobre como realizar a medição de forma correta. 

 

 

O que é a Hipertensão Arterial?

 

 

A hipertensão arterial (HTA) define-se como a elevação persistente, em várias medições  e em diferentes ocasiões, da pressão arterial. Podemos definir um paciente como hipertenso quando este apresenta uma pressão arterial sistólica igual ou superior a 140 mmHg e/ou da pressão arterial diastólica igual ou superior a 90 mmHg. É uma doença assintomática, sendo que esta não apresenta sintomatologia nos primeiros anos de doença, pelo que o seu diagnóstico acontece maioritariamente durante uma consulta de rotina.

 

 

O que pode causar valores elevados da Pressão Arterial ?

 

 

Esta doença causa inúmeras patologias tais como a insuficiência cardíaca, os acidentes vasculares cerebrais (AVC), o enfarte agudo do miocárdio, a insuficiência renal, entre outros. Podemos verificar que na maioria dos casos (90%), não existe uma causa conhecida para a HTA, sendo que podemos definir essa situação como HTA essencial ou primária. Em contrapartida, quando encontramos uma doença ou/e elemento potenciador (5-10%) associados dizemos que estamos perante uma HTA secundária.

 

A taxa de prevalência em Portugal encontra-se nos 26,9%, sendo mais elevada no sexo feminino com 29,5% do que no masculino com 23,9%.

 

 

Fatores de risco

 

 

É raro a HTA surgir de forma isolada, sendo que podemos verificar que existem alguns fatores de risco que aumentam a probabilidade de desenvolver a doença:

 

  • Idade: é habitual ocorrer um aumento da pressão arterial à medida que a idade aumenta, sendo que este facto ocorre devido à perda de elasticidade dos vasos sanguíneos ao longo dos anos.

 

  • Raça: os indivíduos de raça negra encontram-se mais predispostos a desenvolver a doença de uma forma mais precoce e grave.

 

  • Sexo: é possível averiguar que a HTA se encontra mais associada ao sexo masculino dos 45 anos para baixo, sendo que a partir dos 65 anos (associado ao início da menopausa), as mulheres possuem mais riscos de desenvolver HTA.

 

  • Hereditariedade: quando existe um histórico familiar de HTA, existem também uma maior predisposição para desenvolver essa doença.

 

  • Obesidade.

 

  • Consumo excessivo de álcool: o consumo excessivo de bebidas alcoólicas encontra-se diretamente associado ao aumento gradual a pressão arterial.

 

  • Tabagismo: o tabaco é uma das principais influências negativas no coração, sendo que o seu consumo continuado aumenta a probabilidade de surgirem doenças cardiovasculares.

 

  • Consumo excessivo de sal: este fator leva a que ocorra uma retenção de sódio, que por sua vez leva a uma retenção de água, causando hipertensão arterial. Em estudos recentes foi verificado que os portugueses consumem o dobro de sal do qual é indicado pela OMS.

 

 

O que é a Hipertensão de Bata Branca?

 

 

Muitas vezes os pacientes podem apresentar HTA de bata branca, ou seja, o paciente apresenta valores mais elevados no consultório ou farmácia, devido à ansiedade desencadeada pela presença do profissional de saúde. É critério para HTA de bata branca quando o paciente apresenta valores iguais ou superiores a 140/90 mmHg no consultório e normal em casa.

 

 

Como prevenir?

 

 

A melhor maneira de prevenir a HTA é adoptar um estilo de vida mais saudável, praticar uma alimentação saudável e  praticar exercício físico regularmente. Os hábitos tabágicos, o consumo de café e bebidas alcóolicas devem ser desencorajados.

 

 

Cartaz de sensibilização do 2º ano da Licenciatura em Cardiopneumologia

 

 

Os alunos do 2º ano da Licenciatura em Cardiopneumologia do ano 2020/2021, no âmbito da Unidade Curricular de Ultrassonologia Vascular I e sob a orientação do Professor Gil Nunes, realizaram um cartaz de sensibilização para o Dia Mundial da Hipertensão Arterial.

 

Fonte:

World Hypertension Day

 

ESSCVP Notícia