Formação prática em monitorização invasiva e não invasiva

INSCRIÇÕES ENCERRADAS (VAGAS ESGOTADAS)

 

A instabilidade hemodinâmica é comum no doente crítico. Dada a importância da circulação no fornecimento de oxigénio e na remoção dos resíduos do metabolismo dos tecidos, a instabilidade hemodinâmica, independentemente da causa, apresenta-se de um modo que pode ser mais ou menos visível, com um conjunto de sintomas, sinais e anomalias laboratoriais que traduzem a diminuição do aporte de Oxigénio e/ou a sua má utilização.

 

A sua duração é um fator determinante na génese da disfunção múltipla de órgãos, que compromete a sobrevivência dos doentes, e que leva a um significativo aumento do consumo de recursos. Neste contexto, a monitorização hemodinâmica torna-se, pois, num instrumento fundamental para avaliar a perfusão tecidular global e regional, permitindo escolher tratamentos que corrijam atempadamente as anomalias da circulação, dentro de uma janela temporal que é limitada, e fazendo parte de uma estratégia que possa prevenir a progressão para a disfunção múltipla de órgãos e que possa reduzir a mortalidade do doente com instabilidade hemodinâmica. Per se, não modifica resultados, a não ser que a informação recolhida esteja associada a um processo de tomada de decisão e a um tratamento que poderão modificar a evolução da doença, tendo uma importância fundamental no doente crítico numa grande variedade de cenários. Por outro lado, a ausência de monitorização associa-se a um aumento significativo de iatrogenia.

 

Este curso teórico e prático pretende, num espaço de tempo relativamente curto, facilitar e acelerar a aprendizagem de modo a deixar os candidatos mais à vontade na avaliação e manipulação da circulação, assim como no reconhecimento de algumas limitações de várias formas de monitorização.

 

Apoios





Coordenação

  • Paulo Santos

 

Objetivos

  • Dominar os princípios da fisiopatologia circulatória;
  • Escolher a monitorização adequada para o diagnóstico e avaliação da hipoperfusão tecidular;
  • Identificar as características essenciais de cada tecnologia de monitorização;
  • Interpretar diferentes tipos de dados de modo a formular diagnósticos e escolher terapêuticas adequadas em diferentes cenários;
  • Desenvolver mecanismos de avaliação regular da prática de monitorização e da abordagem da falência circulatória para promover a utilização de ferramentas que permitam implementar uma melhoria contínua.

 

Datas

  • 17 a 19 de fevereiro 2023

 

Duração

ECTS: 2

Número de horas de contacto: 24 horas

Horário: Entre as 9:00 e as 18:00, durante 3 dias

 

Inscrições 

  • 30 de setembro 2022 a 31 de janeiro 2023 

Nota I: se os dados a incluir na faturação não coincidirem com os dados do candidato, deverá ser informado previamente à Secretaria de Ensino Pós-Graduado (secretariaposgraduado@esscvp.eu).

  • Atualização: Candidaturas encerradas devido a vagas esgotadas.

 

Destinatários

  • Licenciados em Enfermagem.

 

Nº de participantes

  • Máximo: 18

 

Valor

  • 550 euros, dos quais 500 com bolsa a 100% (ver regulamento de bolsas)
    • Possibilidade de pagamento faseado (50% no ato da inscrição e 50% até 10 de fevereiro 2023)
      • Não reembolsável em caso de desistência do curso ou de em caso de não cumprimento dos critérios obrigatórios para financiamento.

 

Documentação necessária

  • Cartão de Cidadão
  • Cédula profissional ou certificado de habilitações.

 

Critérios de seriação

Ordem de inscrição, mediante o cumprimento dos critérios de base de inscrição no curso.

 

Descontos

  • Curso financiado pelo Programa Impulso Adultos do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). O financiamento é realizado por reembolso, após atribuição das bolsas e segue o disposto em Regulamento;
    • Idade superior a 23 anos (ter completado 23 anos até 31 de dezembro do ano que antecede a realização do curso);
    • Residência no território nacional aquando da frequência do curso;
    • Frequência do curso igual ou superior a 90% da duração do curso;
    • Aproveitamento no curso através de avaliação.
  • 10% para ex-alunos da ESSCVP-Lisboa. Este desconto não é aplicável se usufruir de financiamento por bolsa PRR;
  • 15% para funcionários da Cruz Vermelha Portuguesa. Este desconto não é aplicável se usufruir de financiamento por bolsa PRR;
  • Para usufruir do desconto, o participante terá de contactar secretariaposgraduado@esscvp.eu antes de efetuar o pagamento, com o respetivo comprovativo.

 

Mais informações

 

Corpo Docente

Brevemente